Google Tag Manager

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Yoga tipo 3 Eneagrama




Posted by Picasa Yoga tipo 3 Eneagrama
Tadasana - a montanha
Com sua imobilidade esta postura é apropriada para as pessoas do tipo Três, que geralmente já são ativas demais.
Seu desafio consiste em para e prestar atenção.
Embora eu já imagine o quanto essas pessoas vão reclamar ao saber que essa é a postura recomendada para elas, sua prática lhes trará muitos benefícios.
Além disso, ela trabalha muito com os braços e abre o torax, atuando sobre o Elemento Fogo, e atua em especial sobre o meridiano do coração, que tantas vezes é motivo de preocupação para as pessoas do tipo Três.

Instruções e afirmação:
Repita para si mesmo enquanto mantém a postura: "Estou em equilíbrio. Recebo de braços abertos a imobilidade e a quietude.

1- Fique em posição ereta, mantendo entre os pés a mesma distância existente entre os quadris. Os pés devem ficar paralelos, os joelhos, ligeiramente contraídos e cóccix, encaixado de modo que a coluna fique reta. Imagine que a cabeça está sendo puxada para cima por um cordão preso a um gancho no teto, um pouco atrás da cabeça. O objetivo é empurrar o queixo um pouquinho para a frente, permitindo assim que a nuca se alongue. Mantenha os ombros para baixo e alinhados.

2- Inspire colocando as mãos diante do peito em posição de oração, mantendo os cotovelos abertos. Olhe em frente, expire e inspire algumas vezes, procurando sentir a perenidade da montanha e a imobilidade. ( Se quise, passe desta etapa para a etapa 4.)

3- Inspire elevando os braços acima da cabeça e mantenha-os nesta posição, com os ombros para baixo e as palmas da mão voltadas uma para a outra, durante mais algumas seqüências de inspiração-expiração. ISe preferir, mantenha os braços em posição de oração.) Continue olhando fixamente para a frente, consciente tanto de sua ligação com a terra quanto de seu alongamento em direção aos céus, forte e imóvel como uma montanha.

Para continuar, clique em Mais Informações, abaixo.





4- Enquanto expira, baixe os braços ao longo do corpo.
Respire em silêncio por alguns instantes, sentindo a energia da "montanha".

Benefícios:
Enquanto mantém esta postura, visualize uma montanha: sinta a imobilidade, a força e a perenidade.
Conscientize-se da firmeza com que os pés se cravam no chão e a cabeça e/ou os braços se voltam para os céus.
Na forma mais simples, os braços ficam retos ao longo do corpo. Mas a postura fica mais forte e atua mais sobre o corpo quando os braços são colocados para cima durante algumas seqüencias de inspiração-expiração.

- Tranquiliza a mente.
- A postura das mãos em posição de oração (Namastê) abre o coração e promove a compaixão.
- Alinha a coluna e melhora a postura.
- Restabelece a sensação de equilíbrio entre corpo/mente/espírito.

Precauções:
- Mantenha a nuca alongada.
- É muito importante manter a coluna reta ao longo de toda a prática, principalmente ao levantar os braços.
- Lembre-se de respirar - Não de maneira forçada, mas em silêncio, enquanto praticar a postura.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Marque uma consulta comigo

Agenda